| |
|

Pessoas conectadas nos últimos 20 minutos: 2667597 { professores: 0 | editores de blog: 1 | editores de sites profissionais: 0 | usuários com coleções públicas: 21 }

Comentários
10 Comentários
Por Rosana Marli de Oliveira - Usuário | 28/01/2010

ISTO É a negação da materialização dos conceitos necessários ao cotidiano.
Por Neide Rejane de M.Cantarelli - Usuário | 28/01/2010

Isto é um curta-metragem "Underground", experimental, imprevisível, fora do comum, com cenas não-lineares, das quais eu gostei muito, porque foge da mesmice. Os filmes do Caselli me lembram os quadros do Salvador Dali. E a vida é, exatamente, como este curta: está sempre nos surpreendendo, ou seja, tudo na vida é um "DE REPENTE" nada linear e muito semelhante a este filme.
Por marianna martins - Usuário | 28/01/2010

talvez "isto" não queira ser. talvez Eu não queira que isto seja.
Por Misa Hinata Amane Yagami - Usuário | 28/01/2010

Gostei, mas axo q ISTO NÃO É o q vc quer ouvir, quem faz isso q tu fez quer mais ser criticado do que elogiado, então, pra resumir, vc só quer aparecer! Agora cê gostô, né! kkkkkkkkk Ei continua nesse rumo, é legal, mas dexô a desejar em algumas coisas. O legal desse tipo de coisa é causar surpresa e tu não conseguiu manter a surpresa durante o curta todo!
Por João Baptista Salazar da Costa - Usuário | 28/01/2010

Isto é um louco querendo fazer um filme. Vai estudar.
Por Fabiana Torrini - Usuário | 28/01/2010

Durante os seis minutos eu fiquei me perguntando pq estava perdendo tempo assistindo o que isto não é.
Por Walter Tabax - Usuário | 28/01/2010

Este é o caminho pois eles sabem o que fazem.
Por Thanius Scoralick Sarchis - Usuário | 28/01/2010

isto não é um comentário
Por bruno campos - Usuário | 28/01/2010

isto não é um filme. ele ainda tem que comer muito feijão pra dirigir um.
Por LUCIANA SANTOS OLIVEIRA - Usuário | 28/01/2010

Fiquei perdida no início, mas descobri q isto não é isto... se isto não é... então nada existe. Gostaria de saber mais sobre o curta, muito bom, mas gostaria de ter conhecimentos filosóficos suficientes para uma melhor leitura a obra.