| |
|

Pessoas conectadas nos últimos 20 minutos: 349256 { professores: 0 | editores de blog: 0 | editores de sites profissionais: 0 | usuários com coleções públicas: 10 }

Comentários
Produto Descartável

Ficção, Conteúdo Adulto | De Flavia Rea, Rafael Primo | 2003 | 16 min | SP

16 Comentários
Por Iarla Carolina Sousa de Lima - Usuário | 10/11/2013

Muuuuuuuuuuito bom!!! Animação perfeita, adorei.
Por Gloria Teresa Gonçalves - Usuário | 28/01/2010

Muito bom! Retrata bem o que acontece atualmente.O que uma pessoa pode fazer para se sentir aceita por determina "tribo" ou grupo. Como usa de máscaras para esconder seu íntimo ou para se sentir inserida em um contexto.
Por Larissa Coelho Squeff - Usuário | 28/01/2010

Muito bom. Adorei. Criativo e te faz rir, o que é otimo. a trilha sonora é muito divertida e reflete um "espirito" urbano-pop-cafona do anos 80. parabéns
Por jacqueline pereira dos santos - Usuário | 28/01/2010

Caraca!!! desta vez voces do "porta" se superaram! Adorei o filme,o argumento, tudo muito bem feito. parabens!!!!
Por tania mara minetto - Usuário | 28/01/2010

Adoraria ter esse filme no meu acervo particular para trabalhar no Curso de Serviço Social onde sou docente. Parabens pela iniciativa. beijos tania
Por ramon pimenta - Usuário | 28/01/2010

Muito bom! O pessoal aqui da http://www.bhsite.com.br da célula de hospedagem de sites adorou, o filme e realmente é ótimo.
Por Keila Angela de Souza - Usuário | 28/01/2010

Muito bom mesmo, adorei a direção de arte, iluminação, figurino,trilha sonora, tudo!! podia virar um sitcom rsrsrs parabéns
Por ronaldo martins botelho - Usuário | 28/01/2010

Bom argumento, mas há certo arfificialismo dos atores na relação que representam, que limita a interpretação e compromete a expressão da proposta.
Por Mariana Paiva marinho - Usuário | 28/01/2010

Muito, muito bom. Adorei a idéia de fazer com que, por trás de todos os clichês, estejam os personagens "fake" que cada um deles fazem para conquistar. :)
Por Luciano Alcalá Amaral - Usuário | 28/01/2010

MUITO BOM!! Realmente o pensamento alheio é sempre uma incógnita, e o filme consegue mostrar com mto humor o desastre de certas relações humanas.

Páginas: 1 2