| |
|

Pessoas conectadas nos últimos 20 minutos: 159 { professores: 0 | editores de blog: 0 | editores de sites profissionais: 0 | usuários com coleções públicas: 0 }

Comentários
Quem Matou Eloá?

Documentário | De Lívia Perez | 2015 | 24 min | SP

8 Comentários
Por Aline Santos Faria - Usuário | 09/03/2017

Acho muito importante a realização desse tipo de documentário, pra q a sociedade possa enxergar com outros olhos q n sejam os da mídia. Parabéns
Por Evelyn Barruffe Paula - Usuário | 02/03/2017

Ótimo filme!!!
Por Monica - Usuário | 11/07/2016

Esse documentário mostra o "circo" que se tornou o caso da Eloah. Quem sabe se tudo fosse resolvido sem a mídia interferir teria um outro desfecho. Infelizmente nunca saberemos.
Por simone - Usuário | 23/07/2016

Olá excelente trabalho! Muito importante essa avaliação e denúncia sobre esse tipo de crime tão comum no país, o fato da imprensa espetacularizar a violência também é um tema que precisa ser mais debatido pelo cinema e pela arte em geral.Encontrei nesse filme o material que precisava para sensibilizar meus alunos sobre a violência contra a mulher e provocá-los em um debate.
Por Levi - Usuário | 08/07/2016

Excelente filme, parabéns! :D
Por Antonio Queiroz Rodrigues - Usuário | 19/06/2016

Muito Bom !!!!
Por Bruna Cabral - Usuário | 06/06/2016

Eu poderia fazer uma enquete perguntando se alguma mulher que assistiu esse filme não se identificou em algum momento com o que foi debatido. Todas as mulheres com quem já conversei sobre violência de gênero tem uma história para contar. Eu, inclusive, já passei por várias delas. Tanto sexual quanto psicológica. Desejo que esse documentário seja exibido para toda sociedade brasileira, principalmente em escolas. E que as pessoas saibam que a culpa nunca é da vítima. Saudações.
Por elisabete honorio custodio cez - Professor | 15/06/2016

O documentário é muito bom, leva ao questionamento e instiga o pensamento conforme ocorre os comentários dos especialistas. Os alunos adoraram e puderam debater o assunto com maior propriedade,