| |
|

Pessoas conectadas nos últimos 20 minutos: 306704 { professores: 0 | editores de blog: 0 | editores de sites profissionais: 0 | usuários com coleções públicas: 24 }

Comentários
Trancado por Dentro

Ficção, Conteúdo Adulto | De Arthur Fontes | 1989 | 13 min | RJ

27 Comentários
Por Avany Castro - Usuário | 30/04/2012

Paulo Gracindo protagoniza o personagem de um idoso tetraplégico que vive entre a realidade e a imaginação, revoltando-se ante as brincadeiras perversas e a infantilização a que é submetido por seus cuidadores.
Por SOLANGE DANOEL - Usuário | 12/08/2010

O filme brinca com a nossa mente, quando ele se vinga dos dois jovens que o estavam perturbando o filme entra no seu auge, mas depois tudo nos mostra que é fantasia pura. Esse filme é como um teste psicotecnico, a imagem mostra uma coisa, mas a realidade é outra, muito bom pois é surpreendente, ficção pura, além dos atores que são ótimos, recomendo sim, vale a pena ver.
Por wantuir fereira aguiar - Usuário | 01/07/2010

MUITO BOM!!! MAS NA REALIDADE ELE NAO E TETRA! ELE E CADEIRANTE! PARA MATAR A SI PROPIO COM UMA ARMA........ MAS TIRANDO ISSO E MUITO BOM MESMO!!!!
Por Arlúzia Arluzante Arluzada - Usuário | 28/01/2010

surpreendente? Pois vejam só este: http://www.portacurtas.com.br/Filme.asp?Cod=1550#
Por Boy Happy - Usuário | 28/01/2010

O filme é bom e louquissimo.
Por flavio de almeida santos - Usuário | 28/01/2010

Este curta brinca com nossas expectativas. Em alguns momentos ele é previsível, em outras partes ele consegue surpreender.
Por Andrea Morato - Usuário | 28/01/2010

nossa! q curta doido. fiquei pensando: o q será q passava pela cabeça do meu pai, q teve mal de alzheimer por dois anos até morrer? talvez ele tenha me matado várias vezes! ai, q meda. adorei o curta.
Por Marlene de Azevedo Otto - Usuário | 28/01/2010

O filme, num curto espaço de tempo, consegue passar todo o drama vivido pelos personagens, pregando-nos surpresas quase como Hitchcock. A interposição de realidade e imaginação traduzem todo o drama interior do tetraplégico. Muito dinâmico esse filme. Nota 1000.
Por francisca brasilia marques - Usuário | 28/01/2010

A arte expõe a vida. E a idade nem sempre é sinônimo de bondade, satisfação, amor pelo outro...as frustrações quando não são superadas nos aconpanham até o final, nos tornando amargos e vingativos...este filme transborda o ser humano na sua esencia simplesmente humana.
Por Lino Zero - Usuário | 28/01/2010

O filme parece que vai cair no rídiculo, mas, de repente...tchan, tchan! Genial!

Páginas: 1 2 3